A vistoria veicular é fundamental.

Ela evita que o comprador de um carro usado caia em golpes e perca bastante dinheiro.

Com o mercado de carros usados aquecido no Brasil, puxado pelos juros mais baixos, a vistoria veicular tem ganhado importância.

Afinal, o que é a vistoria veicular?

Basicamente, ela é uma série de procedimentos e análises feita por uma empresa especializada e que mostra se está tudo certo com aquele carro.

No momento da venda de um veículo usado, a realização da vistoria veicular é obrigatória.

Dessa forma, é possível confirmar, por exemplo, se a documentação do carro é original, verdadeira e está em ordem, para fazer a transferência e se ele tem condições de circular.

Porém, para quem não quiser correr nenhum risco, existe ainda a vistoria veicular cautelar.

Ela é bem mais confiável que simplesmente levar o carro a um mecânico de confiança, como muita gente ainda faz.

Nesse caso, são analisados, por exemplo, o histórico de procedência do veículo, toda a parte estrutural da carroceria e os pontos de identificação, como os números do chassi e do motor.

O que os profissionais olham na vistoria?

São vários os pontos de atenção que indicam que aquele carro que você pensou em comprar pode te dar dor de cabeça. Entre os itens mais importantes de uma vistoria estão:

  • Danos estruturais
  • Número do chassi
  • Número do motor
  • Caso hája recalls pendentes
  • algum tipo de adulteração
  • Olham se a placa é autêntica
  • Se o carro foi batido ou repintado
  • Se há registro de sinistro ou passagem por leilão
  • Desgaste dos pneus
  • Cinto de segurança
  • Extintor
  • Freio de mão
  • Se os vidros estão de acordo com o limite de transparência

Vantagens da vistoria

Primeiramente, o procedimento, quando bem feito, é a certeza de que o condutor e os passageiros estarão seguros dentro daquele carro. 

Além disso, ele garante a procedência do veículo. Assim, o comprador não será responsabilizado, no futuro, por um erro do antigo dono, por exemplo.

Ao mesmo tempo, a vistoria veicular valoriza o carro na hora da revenda. Ela evita problemas e questionamentos na hora de contratar o seguro.

Por fim, vale lembrar que tudo isso tudo só vale se o procedimento for feito por profissionais preparados e por uma empresa credenciada pelo Detran.

Menu